Vincent van Bot: robôs voltados para arte

e-David é um dos robôs que participou do concurso de arte RobotArt promovido pela ONG Compute. O objetivo foi incentivar estudantes a olharem para a tecnologia com um mecanismo de desenvolver a criatividade.

e-David

e-David possui cinco pincéis e uma paleta de 24 cores. Ele fotografa cada passo e compara luz e sombra para decidir quais tintas usar para completar sua obra prima.

Picassnake

Picassnake é um braço robótico vestido de cobra de brinquedo que pinta usando música. Ele dança ao ritmo de indie rock, improvisando pinceladas criando pinturas abstratas imprevisíveis.

Carnegie Mellon

Já a equipe Carnegie Mellon desenvolveu um robô que colabora com a mão do artista. Um (robô) conduz o outro (humano) e vice-versa num esforço colaborativo de criação.

Fonte: Para mais informações leia o artigo do The Guardian ou visite o site do concurso de arte RobotArt.

Propagação da espécie

Independente dos resultados artísticos dos robôs, o contrário é verdadeiro. A robótica vem capturando a imaginação de artistas há muito tempo!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.